Home»Agenda Cultural»Museu de Artes Visuais expõe obra de Alexandre Flemming no Campinas Decor

Museu de Artes Visuais expõe obra de Alexandre Flemming no Campinas Decor

1
Shares
Pinterest Google+
A obra de Flemming remete à “Olympia” do pintor francês Edouard Manet, que data de 1863 – Foto: Divulgação

Uma antessala do Museu de Artes Visuais (MAV), com a obra “Olympia no Hospital”, de Alexandre Flemming, dá boas-vindas ao público do evento Campinas Decor, que acontece de 27 de abril a 10 de junho, na Fazenda Argentina. Na sala, o MAV apresenta algumas de suas ações mais recentes voltadas para o colecionismo e difusão de seu acervo, tendo a peça de Flemming em evidência. “O MAV compartilha com o público visitante do Campinas Decor seu contentamento em receber esta pintura de Flemming, que passa agora a figurar entre suas mais recentes obras da coleção”, declara a diretora do museu e professora do Instituto de Artes da Unicamp, Sylvia Furegatti.

O ambiente, dentro de um contêiner, conta com projeto da arquiteta Renata França Marangoni, funcionária da Diretoria de Cultura da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura da Unicamp, com participação de Fabiana Soares na execução da obra.  

A obra de Flemming remete à “Olympia” do pintor francês Edouard Manet, que data de 1863, segundo Sylvia. “Através desta primeira Olympia, podemos encontrar uma história do nu feminino na tradição artística europeia. Com inteligência visual, Flemming nos aponta a condição clínica da obra de arte no tempo presente e nos faz interrogar sobre esta analogia entre o museu e o hospital, entre a vida e morte.”

O artista é considerado um dos grandes referenciais da arte contemporânea brasileira e, de acordo com Sylvia, tem obras cultivadas em acervos de importantes museus públicos e coleções privadas. como Museu de Artes de São Paulo (Masp), Pinacoteca do Estado de São Paulo, Museu de Arte Contemporânea (MAC) da Universidade de São Paulo, Museu de Arte Moderna (MAM-SP), Museu Afro-Brasil, Museu Nacional de Belas-Artes (Rio de Janeiro), Museo Nacional de Bellas Artes de Chile, Fundação Calouste Gulbenkian (Lisboa), Casa de las Americas (Havana), Art Museum of Latin America (Washington), Ibero-Amerikanisches Institut (Berlim), University of Essex-Collection of LatinAmerican Art, dentre outros.

Acervo reúne obras de representantes da cena artística
De acordo com o pró-reitor de Extensão e Cultura da Unicamp, Fernando Hashimoto, o Museu de Artes Visuais da Unicamp tem característica ligada à produção de arte contemporânea e brasileira. “O MAV cumpre função muito importante dentro do ambiente universitário e cultural como são as universidades.”

A coleção do MAV abriga atualmente 1.208 peças. De acordo com Sylvia, nomes representativos da cena artística local, nacional e internacional compõem o acervo do museu, entre eles Geraldo de Barros, Antonio Henrique Amaral, Hércules Barsotti, Paulo Bruscky, Anatol Wladyslaw, Renina Katz, Hermelindo Fiaminghi, Akiko Fujita, Thomáz Perina, Raul Porto, Mário Bueno, Tuneu, Ricardo Basbaum, Marco do Valle, Sergio Niculitcheff, Vânia Mignone, Marcelo Moscheta, dentre outros. “Olympia no Hospital” é uma das peças que ampliam o acervo. “Constituir um acervo de artes visuais nos dá possibilidade continuada de ver/perceber, revisar/revisitar e de indagar. Essas são posturas desafiadoras, muito demandas aos que vivem no concorrido século 21 e que compartilham de seu apreço pelo universo da imagem.”

Serviço
Mostra da obra Olympia no Hospital
De Alexandre Flemming
Local: Antessala do MAV no evento Campinas Decor
De 27 de maio a 10 de junho
Endereço: Fazenda Argentina
Rua Dr. Ricardo Benetton Martins, s/n
Bosque das Palmeiras – Campinas (SP)

Previous post

A velha ponte da Estrada da Rhodia

Next post

Orquestra Sinfônica da Unicamp apresenta obra sobre o nordeste brasileiro

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *