0
Shares
Pinterest Google+

Espetáculos teatrais, oficinas e cinema de animação estão na programação da virada Sustentável no CIS-Guanabara

Instalações, mostra fotográfica, discussão sobre vida online, espetáculos teatrais, oficinas de bioconstrução e ativismo ambiental e curtas de animação são algumas das atividades sediadas pelo CIS-Guanabara na segunda Virada Sustentável Campinas 2019 que ocorre nos próximos dias 12,13 e 14 de abril em Valinhos e Campinas. O Museu Exploratório de Ciências, Ginásio Multidisciplinar e Casa do Lago da Unicamp são outros espaços da Universidade que abrigarão atividades artístico-culturais nesse que é o maior evento de sustentabilidade do Brasil. Toda a programação é gratuita.

No sábado (13 de abril) estão programadas atividades ao longo de todo o dia, algumas simultâneas, em diferentes espaços do CIS-Guanabara. A instalação Imaginário Travesty (das 10h00 às 18h00) visa mostrar o cotidiano desses representantes que estão sempre em uma posição de vulnerabilidade. Suspensa, a instalação é composta por manequins, representando esses corpos, tecidos descartados e lixos eletrônicos reutilizáveis. A atividade é organizada pelo Ateliê TRANSmoras, um espaço coletivo de produção artística e de Cultura.

O fotógrafo Tomás Cajueiro apresenta a exposição Catando Esperanças, mostra que procura dar visibilidade aos catadores da cidade que alimentam a indústria da reciclagem. Quais os desafios enfrentados por esses profissionais que diariamente, de maneira invisível, recolhem enormes quantidades de materiais de ruas e calçadas? A exposição é um retrato do cotidiano desses profissionais que são fundamentais para a manutenção da reciclagem na cidade apesar de periféricos no imaginário coletivo. A mostra ocorre no CIS-Guanabara, dia 13, das 10h00 às 20h00.

A atividade The Glass Room Experience — Olhando Para Sua Vida On-line visa discutir até que ponto o usuário da internet tem controle sobre suas atividades na rede. A proposta é explorar o outro lado da vida na era digital, em um espaço criativo e animado que combina arte, oficinas e vídeos. A experiência é para todos os que se conectam diariamente à Internet para conversar, socializar, estudar e trabalhar. A organização dessa atividade é da Casa Hacker, um coletivo dedicado a colocar o internauta no controle de sua experiência digital, moldando o futuro da tecnologia da informação e comunicação para o bem público. O evento ocorre no CIS-Guanabara, dia 13, das 10h00 às 16h00.

O espetáculo teatral Pelas Marias de Todo dia será apresentado no dia 13, das 13h00 às 14h00, no CIS-Guanabara. Por meio do teatro jornal, a peça descortina as relações de gênero e as violências que incidem sobre o corpo feminino. Em cena, as atrizes conduzem o espectador a uma viagem, trilhando o caminho da apropriação de discurso e imagens do cotidiano com o intuito de provocar questionamentos. A montagem é do Madalenas Ascese (NATO- Núcleo Ascese de Teatro do Oprimido), um grupo de oito mulheres ativistas que se propõe a revelar por meio do Teatro do Oprimido as articulações da opressão de gênero.

A Oficina de Bioconstrução, prática sustentável com o objetivo de capacitar pessoas e compartilhar conhecimento de técnicas que se utilizam de materiais tradicionais e de baixo impacto socioambiental, é outra atividade da Virada Sustentável. Nessa oficina, que ocorrerá no dia 13, das 14h00 às 18h00, no CIS Guanabara, será construído um banco de taipa de pilão.

O trabalho é coordenado pelo Instituto Flor do Anhumas, entidade que atua de diversas formas fundadas nos valores da sustentabilidade. Conta com uma equipe de profissionais nas mais diversas áreas, que capacita e inspira pessoas engajadas em movimentos socioambientais.

Simultaneamente, ocorre a Oficina Zero Fósseis – Como Proteger Nosso Planeta com o Ativismo Ambiental. Das 14h30 às 16h30 a Ong 350.org comanda essa atividade em que o participante irá aprender sobre as mudanças climáticas e como pode ter o papel central na solução desse terrível fenômeno. Também serão compartilhadas diversas maneiras de como ser um ativista ambiental, bem como fazer parte de uma organização internacional que faz a diferença no mundo. A 350 é uma ONG internacional que usa campanhas online, organização de base e ações públicas para se opor a novos projetos de carvão, petróleo e gás.

O cinema de animação também tem espaço na programação da Virada Sustentável no CIS-Guanabara. Dia 13 (das 18h00 às 19h30) ocorre o evento Animando a Virada Sustentável. Trata-se de mostra com dez curtas de animação com 40 minutos de duração, todos voltados para os objetivos de desenvolvimento sustentável. Após a exibição, o diretor do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, Maurício Squarisi, a educadora e produtora da Diálogos Produções Culturais, Janice Castro e a jornalista e assistente de animação da Tupi Desenhos Animados, Elisabeth Russo estarão numa roda de conversa falando sobre os filmes, a profissão de animador e sobre a animação como ferramenta pedagógica em sala de aula.

Encerrando as atividades do sábado, no CIS-Guanabara, o Grupo Teatral Carcaça apresenta às 20h00 o espetáculo Cidade Agrária. Questões agrárias, as relações do homem com o espaço onde vive e o papel da sociedade nessas questões são alguns dos motes dessa apresentação. O grupo nasceu em 2016 e no ano seguinte começou o trabalho de pesquisa sobre a influência do homem na cidade e da cidade na construção desse homem. Assim surgiu em 2018 o espetáculo Cidade Agrária, interpretado por seis integrantes, sendo três atores profissionais.

No CIS-Guanabara, o evento, com a coordenação da agente cultural Silvana Di Blasio, tem o apoio da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC), da Unicamp. O CIS fica à Rua Mário Siqueira, 829, Botafogo, Campinas (estacionamento gratuito no local).

Virada no campus
Além do CIS-Guanabara, a Virada Sustentável programou uma série de atividades no campus, em Barão Geraldo. No Museu Exploratório de Ciências da Unicamp será realizado o Fim de Semana no Museu com uma série de atividades que ocorrerão dia 13, das 10h00 às 17h00. Oficinas de Tintas Naturais, de Compostagem, de Energias Renováveis e Jardim Vertical estão na programação. As inscrições serão feitas em http://www.mc.unicamp.br. O Museu fica à av. Alan Turing, 1500.

No Ginásio Multidisciplinar da Unicamp, domingo, das 9h00 às 20h00, serão realizadas duas atividades: a Roda de Conversa Discutindo o Esporte – Os Significados do Esporte Dentro da Sociedade e o Festival de Vôlei da Unicamp. Essas iniciativas são uma parceria entre o Grupo de Estudos de Futebol (FEF-Unicamp), a Liga das Atléticas da Unicamp e a DCult com o objetivo de promover um esporte que busque a ocupação do espaço público, a vivência de práticas esportivas e a discussão do esporte para além da competição, mas como forma de criação de significados. A atividade consiste em dois momentos. O primeiro, na quadra do Ginásio Multidisciplinar, será realizado um festival misto de voleibol. No segundo espaço ocorre um míni fórum sobre os impactos sociais do esporte, com pesquisadores que pensam a dimensão do esporte pelas Humanidades, abordando temas como a inclusão, a resistência, a geração de significados e as identidades no esporte. O Ginásio fica à rua El is Regina, 131.

Finalmente, na Casa do Lago (av. Érico Veríssimo, 1011), outras atividades estão programadas para a comemoração da Virada Sustentável. O espetáculo teatral A Princesa e a Ervilha ocorre às 10h00 na sala de cinema (os ingressos serão distribuídos a partir das 9h00). A contação de história Histórias do Outro Lado do Mundo acontece às 10h00 na área externa. Na Sala Multiuso, o musical cênico Dr. Plástico ocorre a partir das 11h00. Durante o período da manhã serão realizados jogos e brincadeiras, além de feira de artesanato, quitutes e brinquedos infláveis.

Toda a programação da Virada Sustentável Campinas 2019 é gratuita. Mais informações no site

Previous post

FCM seleciona mulheres e homens hipertensos para pesquisa

Next post

Barão Geraldo ganha Sistema Cicloviário ligando transportes

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *